Bolo levedo com doce de ruibarbo e curgete


Como sabem, atualmente, movimento-me em solo açoriano. Já vos falei das bolachas Mulatas aqui, e, já provei as bolachas Maria (sugestão de cozinha100segredos) fabricadas pela Moaçor. Digo-vos, são deliciosas.

Descobri, recentemente, o bolo levedo que adoro. Já provei a versão “normal” e a versão integral. Gosto das duas versões mas prefiro a integral e, é pelo sabor, não por ser integral…
Este bolo é simplesmente um pão maravilhoso que se degusta sem qualquer acompanhamento, a qualquer momento.

No passado fim de semana, trouxe do continente, um frasco de doce de ruibarbo com curgete, cuja  receita se encontra aqui

Resolvi juntar estas duas maravilhas que nos proporcionaram um lanche muito reconfortante. Vejam…





Encontrarão mais informações sobre o bolo levedo aqui. Quando tiverem oportunidade, provem.

Comentários

  1. És cá das minhas, eu também gosto muito de bolo lêvedo sem mais nada! Mas claro que ao juntarmos uma manteiguinha regional ou uma compota, fica uma maravilha! É que esse bolinho fica bem ao pequeno almoço, ao lanche, em sandes! Olha, a propósito, se algum dia fores à Quinta dos Açores aconselho-te a provar a sanduíche club de bolo lêvedo! É uma delícia e vem partido em 4, perfeito para vocês as duas partilharem! E como não me falta sugestões de coisas regionais, também aconselho compota de abóbora e compota de batata doce "Quintal dos Açores". Até há packs com 3 frasquinhos diferentes para provar. É uma coisa que também encontras à venda na Quinta dos Açores! Desculpa lá a chuva de sugestões! Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. A compota já consumia no Faial! Deliciosa... Vou procurar a Quinta dos Açores! Mas levedo, leva acento circunflexo? Na embalagem vem sem! Beijinhos

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Obrigada pela sua espreitadela! Sejam sempre bem-vindos...

Mensagens populares deste blogue

Quiche de frango com queijo Quark

Risoto de marisco

Quiche de salmão e delícias do mar