Compota de ruibarbo e curgete


Mais uma vez o ruibarbo que me fascina tal como a tangerina,“pelo aroma das sílabas” mas também, pelo seu sabor agridoce.

Com o que sobrou do doce de Ruibarbo e Nectarina, juntei algum que tinha congelado e atrevi-me a conjugar ruibarbo com curgete… resultou numa maravilhosa compota.


A curgete que utilizei era grande e biológica (não necessitei de toda :-)).

Ingredientes:

500g de ruibarbo
600g de curgete
650g de açúcar (Sidul)
raspa de uma limão grande
1 pau de canela

Execução:

Lavar e retirar os filamentos exteriores do caule do ruibarbo e cortá-lo em pequenos pedaços.

Descascar a curgete, libertá-la das sementes e cortá-la em pequenos cubinhos.

Colocar todos os ingredientes numa panela e levar ao lume, movendo sempre, até levantar fervura. Deixar cozinhar em lume brando, mexendo frequentemente, até que a mistura esteja bem macia.

Reduzir o preparado a puré com a varinha mágica, de modo a obter uma consistência uniforme.

Verter a compota em frascos previamente esterilizados. Fechá-los corretamente, e, virá-los com a tampa para baixo de forma a ganharem vácuo.


Degustem-na fresca que desperta mais os sentidos. :-)

Comentários

  1. Que consistência maravilhosa! Deve der uma delícia! Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Provei quente e não fiquei muito convencida. Mas hoje fresca e com aquele sabor a limão (que adoro), soube-me tão bem! Beijinho

      Eliminar

Enviar um comentário

Obrigada pela sua espreitadela! Sejam sempre bem-vindos...

Mensagens populares deste blogue

Quiche de frango com queijo Quark

Risoto de marisco

Quiche de salmão e delícias do mar